23 jul

Tigres venceu com facilidade; Alisson evitou que o Inter inoperante na semifinal fosse goleado

Copa Libertadores

De Vitor Birner

Tigres 3×1 Internacional

O futebol do time brasileiro foi fraco.

Houve erros individuais, de concepção de jogo e de realização do que o treinador planejou.

O Tigres não precisou de nenhuma novidade tática para sobrar diante de seu torcedor.

Competitivo, explorou suas maiores virtudes ofensivas e se impôs com grande facilidade diante da agremiação com repertório ofensivo pobre e que não entendeu o necessário para entrar, de fato, na semifinal.

Aquino, Damm e Gignac, contratados na janela de transferências e que formaram o quarteto mais adiantado junto com Rafael Sobis, desmontaram o sistema de marcação..

Alisson, entre os eliminados foi o único que mereceu muitos elogios nos eliminados,

Proposta

O ponto mais vulnerável do sistema de marcação do Tigres é a jogada aérea.

O Internacional iniciou com Nilmar como centroavante.

Poderia ter colocado Rafael Moura ou Lisandro López lá.

Ambos são mais capazes na jogada aérea.

Deles, apenas o argentino foi titular.

Jogou na meia, centralizado e perto do atacante quando o time se posicionou no 4-2-3-1 ou adiantado como segundo jogador de frente no  4-4-2, , quando não revezou com D’Alessandro nisso e recuou para cooperar com os desarmes.

O time deveria ficar fechado e investir nos cruzamentos.

Mas preferiu adiantar o sistema de marcação em certos momentos e, noutros, quando recuou, quis o contra-ataque.

Andamento

A estratégia falhou em diversos aspectos.

A transição de bola da defesa ao ataque foi ruim.

A marcação pelos lados ainda pior.

Era previsível e com certeza a comissão técnica sabia que os mexicanos investiriam na criação pelos lados, pois Aquino e Damm, os mais habilidosos do time, jogam naquelas faixas do gramado.

Tigres melhor

Damm levou a melhor contra Gefferson e Aquino sobrou diante de William.

Os laterais do Inter, além de seus limites técnicos, não tiveram a cooperação devida do meio de campo e foram os pontos mais vulneráveis do sistema defensivo.

D’Alessandro ou Lisandro López, dependendo do momento, e Valdívia tinham que ficar em frente a eles.

Em suma, houve erros individuais e coletivos.

O centroavante Gignac se mexeu, atuou nas brechas pelos lados, e confundiu a defesa.

Erros e gols

O primeiro gol nasceu no cruzamento da direita.

Willian ficou sozinho, na área, marcando um jogador adversário e Gignac, especialista na bola aérea, subiu para cabacear com precisão.

Juan, centralizado, e Lisandro López, aberto, se perderam e ficaram longe do lateral.

No outro, Gefferson, o convocado pelo Dunga e que havia atuado mal no Beira-Rio, fez o gol contra na jogada em que tinha toda condição de chutar a bola para longe.

Como nem o contra-ataque o Inter conseguiu, o jogo foi muito tranquilo para o Tigres antes do intervalo.

Sobrou

Continuou por mais 25 ou 30 minutos, até o time se cansar.

Não precisou mais que isso para Aquino driblar, ser derrubado na área e Rafael Sóbis cobrar mal  o pênalti inquestionável,

Houve mérito de Alisson, com atuação elogiável que  impediu o o gol. Nem deu rebote de tão preciso que foi na bola.

Pouco depois, Damm, pelo lado de Gefferson, chegou á linha de fundo e cruzou para Arévalo Rios, de cabeça, fazer 3×0.

Alterações

Em seguida, Eduardo Sasha entrou no lugar de Nilmar, que jogou mal, para atuar de um lado, Valdívia ficar no outro, e Lisandro López exercer a função de centroavante.

Eduardo Sasha jogou no ritmo mais intenso e melhorou um pouco o inoperante sistema ofensivo.

Alex entrou e Valdívia saiu.

O meia tem o passe e o chute como principais virtudes.

No Tigres, o experiente Álvarez ocupou o lugar de Aquino, o que não alterou a maneira de o time atuar.

Apenas quando o volante Lugo substituiu Damm a equipe passou a ser mais cautelosa e o Inter ficou mais com a bola no ataque.

O centroavante Rafael Moura entrou e o lateral William foi para o banco restando poucos minutos para o fim do confronto.

Isso tinha que acontecer antes, pois era importante fortalecer a jogada aérea na frente.

Brilhareco

Alex tocou para Eduardo Sasha dar assistência ao Lisandro Lopez no gol.

Rivas tinha que fazer a linha de impedimento e bobeou.

Nos últimos minutos – foram cinco incluindo os acréscimos –  não houve nenhuma oportunidade de fazer outro para conseguir a classificação, que teria sido épica após o jogo no qual o finalista do torneio foi muito melhor.

Ficha do jogo

Tigres – Guzmáz; Jiménez, Rivas, Juninho e Francisco Torres; Arévalo Rios e Pizarro; Jürgen Damm (Lugo), Rafael Sóbis e Javier Aquino (Álvarez); André-Pierre Gignac
Técnico: Ricardo Ferretti

Internacional – Alisson; William (Rafael Moura), Ernando, Juan e Geferson; Dourado e Aránguiz; D’Alessandro, Lisandro López e Valdívia (Alex); Nilmar (Eduardo Sasha)
Técnico: Enrique Carrera (interino)

Árbitro: Carlos Vera (EQU) – Auxiliares: Carlos Herrera e Luis Vera

38 respostas a Tigres venceu com facilidade; Alisson evitou que o Inter inoperante na semifinal fosse goleado

  1. jose tinarelli disse:

    É nisso que da.
    Previligiaram a Libertadores, e agora? É lutar para não cair no brasileirão.

  2. CARLOS ROBERTO disse:

    ESTE ANO NÃO VAI TER JEITO….A COMMEBOL..QUER UM ARGENTINO CAMPEÃO….O INTER “COLABOROU” RIVER PLATE,,,,TIME RUIM..VAI PRA EUROPA..JOGAR COM BARCELONA..MEU PALPITE: BARÇA : 10X1 KKKKKK

    • CARLOS disse:

      Se voce o Inter representar a America do SUL NO MULDIAL, SERIA BARCELONA 20 X 0 INTERNACIONAL, NÃO ME ESQUECI O INTER JÁ CAIRIA NO PRIMEIRO JOGO!

  3. CARLOS ROBERTO disse:

    AI VITOR BIRNER..ASSISTO CARTÃO VERDE..FALE DO MEU PALPITE PARA O RIVA E WLADIR ….BRASILEIROS UMA DECEPÇÃO..AINDA É “SEQUELAS” DO ETERNO 7X1 DA ALEMANHA..OU NÃO?/ NOSSA “SAFRA ” ESTÁ PÉSSIMA..E NÃO ADIANTA..”TÉCNICO ESTRANGEIRO POR AQUI..SÓ MESMO O GUARDILOLA ,,PRA SER TÉCNICO DA SELEÇÃO O QUE ACHA? SOU DE BARRETOS SP;;;

  4. Joaquim Paulino disse:

    Birner, foi um verdadeiro chocolate. Os mexicanos, que eram conhecidos pela famosa frase”Jogamos como nunca, perdemos como sempre” deram um vareio de bola na gauchada colorada. O que aconteceu com o Inter? Se olharmos em retrospectiva vimos que o Aguirre literalmente abandonou o brasileirão e ficou poupando os supostos titulares . O time , sei lá, perdeu o entrosamento , despencou no brasileiro e, certamente, perdeu a confiança. O rodízio, instituído pelo Aguirre pode ter sido a corda na qual o Inter se enforcou. E isso me poreocupa porque o ozório tem a mesma filosofia do rodízio e o SPFC não tem jogadores ( assim como O inter) para efetuar um rodízio com sucesso. Jogadores da base não resolvem nessas horas, veja o caso do Jeferson, amarelou, pipocou e sai como um vilão para a torcida. E no nosso SPFC os modinhas querem a saída do Ganso, do pato, do fabuloso para colocar jogadores da base, que eu diria são piores do que os do inter. Jogador da base tem que ser colocado aos poucos, um de cada vez para não afetar o equilíbrio do time. Já pensaram um time com lucão, Boschilia, Mateus Reis, Auro, João paulo, todos jogando ao mesmo tempo , o SPFC despencaria na tabela e brigaria para não cair. Portanto, modinhas, parem com esse papo de garotos da base, já encheu. E tenho dito

  5. Marcelo disse:

    Acho que não vão colocar no DVD né?? Kkkk…

  6. Bruno disse:

    O TIGRES tem um ótimo time. O RIVER tem um bom time, mas tem uma camisa mais pesada, mais tradição no continente.
    Os dois times já se enfrentaram duas vezes na fase de grupos. Dois empates. Mas os dois times também mudaram muito. Vide Aquino, Damm e Gignac, e Lucho e Saviola…
    Serão jogaços! Mas aposto no Tigres.

  7. Rafael disse:

    O Inter realmente não merecia, venceu o primeiro jogo mais na sorte e na empolgação do que jogando bem.Pelo menos teremos uma grande final com os melhores times da competição River x Tigres.

    O que me assustou foi esse Geferson ter sido convocado pelo Dunga, só no brasileirão da para pegar uma meia dúzia de laterais melhores que ele.
    Já está difícil acompanhar a seleção, com esses caras pior ainda.

  8. Arnaldo disse:

    O Inter foi longe demais!

  9. campeão mundial 51 disse:

    esperando um post sobre o julgamento do corinthians referente aos objetos que foram atirados no campo, em itakera, contra o Palmeiras pelo campeonato brasileiro. O STJD esqueceu. Vocês da imprensa também esquecerem desse fato?

    • JC disse:

      Delirou, meu. Acho que 51 é a manguaça que anda tomando.

      • ROCCO-SP- disse:

        Então as reportagem que sairam a dois dias atras, sobre aquela COPA RIO, todos estavam manguaçados!
        O golpe foi duro, acho que teve corinthiano que até se suicidou quando leu aquilo!
        Duro ouvir ou ler as coisas de um clube que tem HISTÓRIA, e não ESTÓRIAS!!

  10. Fred disse:

    Os times brasileiros são ruins em todos os sentidos : físico, técnico e tático.
    Creio q precisamos estabelecer um processo de REENGENHARIA no Futebol Brasileiro. É preciso começar do zero. E não será fácil, visto q nosso futebol está cheio de vícios. Os técnicos são ruins e os jogadores tb são. Por ora, só vejo um primeiro passo no caminho correto : a arbitragem não entrando na malandragem escrota dos boleiros e punindo reclamações ; no restante, estamos estagnados.

  11. lm_rj disse:

    Birner, Agora com a confirmação do retorno do meia Cicero, fora as já confirmadas contratações de Ronaldinho e Osvaldo, podemos afirmar que o Tricolor carioca foi o clube que melhor aproveitou a janela de contratações internacionais, que se encerrou ontem? Abrs e parabens pelo blog

  12. Concordo Birner, reforços do time mexicano foram pontuais e desequilibraram o jogo, e do Colorado o único que se salvou foi o bom arqueiro Alisson. Como joga o Gignac hein?! Centroavante forte, malandro, pensa rápido e define bem. Ah se fosse brasileiro….

    Tigres é favorito contra o River na minha opinião, lamentando-se o estapafúrdio regulamento que, além de inverter a regra do mando de jogo ao detentor da melhor campanha, alija os mexicanos, em caso de título, da disputa do Mundial.

    Abraços e deixo convite pro meu blog boleiro: http://www.pinheiroelias.blogspot.com.br

  13. Ivan Moisés disse:

    O Internacional,através de seus jogadores foi ingrato com Rafael Sóbis ( bi da libertadores com o clube ) ao distribuir pontapés no cara dentro de campo,idem a torcida colorada,que hostilizou o ex-ídolo ! Tudo isto no primeiro jogo ! Pois é,ontém Rafael Sóbis se vingou descaradamente ! E comemorou muito ! Foi bom ver a torcida do Inter provar do próprio veneno ! Gostei da eliminação colorada ! Foi um Dejavu Mazembiano ! Não é,sr.Rocco-SP ?

  14. sabioni disse:

    Birner, gostaria de saber a sua opinião sobre uma desconfiança que tenho. O caso do time americano, aquele do Kaká, acionar o SAMPA por uma cláusula aparentemente sem importância não tem o dedo da DIS ? ( a proprietária de boa parte do jogador) Parece-me que eles estão preocupadíssimos com a desvalorização do atleta ( o investimento que fizeram) e querem que o São Paulo se desfaça o mais rápido possível do jogador para minimizar as suas perdas. Não acredito que nenhum time europeu tenha a inocência de comprar um jogador que não corre, não marca, não chuta e vive depressivo ( sem rir, sem bom humor). Ele tem um trato incrível com a bola, mas não se encaixa nas exigências do futebol moderno. Quando o Seedorf falou que ele não jogaria na Europa, a crítica caiu de pau no holandês. Acho que ele tinha razão. Fui

  15. João Sardinha disse:

    A FIFA deveria ser investigada também por permitir estádios com grama sintética. Está muito claro que o nível técnico do futebol cai muito além do aumento do risco de contusões. O secretário geral Jeròme Valcke é o responsável pela liberação.

  16. Ivan Moisés disse:

    O Brasil está cada vez mais pobre,também futebolisticamente ! Copa do Mundo,vexame mór,Copa América,freguês do Paraguai e agora nem na libertadores,não vira mais nada ! A falência não é só no âmbito financeiro,é em um sentido total.Isto é fruto da falta de humildade,dos salários extremos que não são dignos de merecimento por parte destas enganações fabricadas pela mídia tendenciosa que são os jogadores brasileiros.Fez um golzinho,já põe o brinco com as iniciais na orelha,qualquer moleque ruim de bola já vira joia e a camisa amarela por tabela engana os europeus que pagam 140 paus pelo Firmino e pasmem,120 pelo Douglas Costa,caras que não estariam na seleção do brasileirão.Aí,eu não pergunto,eu simplesmente constato que o futebol brasileiro acabou,não vai voltar a ser o que foi um dia,nunca mais ! É um ex-exaltado que hoje simplesmente é humilhado ! E isso é culpa de duas pessoas;Rocco-SP e Velosão ! Me revolta !

    • ROCCO-SP disse:

      Por falar em falência, tchê!
      Vocês estão exportando calotes pros ESTADOS UNIDOS, guri??
      Bah, mas que vergonha,tchê!
      Estão devendo até para o MICKEY MOUSE,parece o 3 espetos apimentados do COLORADO, tchê!!

    • Velosão disse:

      Caro Ivan, não me bote nessa! Em muitos posts anteriores eu já alertava para a falência geral do futebol brasileiro devido a desorganização, a miopia da CBF, a supervalorização de jogadores medianos e a filosofia retranqueira dos Zagallos, Parreiras, Felipões e Dungas da vida. Enfim, o problema é estrutural e o futebol brasileiro tem que mudar de mentalidade, de filosofia, ou melhor, tem que se reinventar como fez o futebol Alemão. Sou apenas um torcedor do querido Cruzeiro, amante do futebol bem jogado, que infelizmente hoje no Brasil não se vê mais. Não me culpe pelos desarranjos do nosso futebol, tem muita gente com culpa no cartório por aí(rs). Os Marins e Del Neros da vida que o digam. Inté!

  17. Luiz Carlos Blanco disse:

    A isenção é difícil de ser aplicada. Envolve até o fanatismo interno presente na alma do ser. Inter não tem elenco, por isso perdeu. Inter não tem jogadores capazes de controle emocional, por isso perdeu.

  18. José Luís disse:

    Birner, afirmei e continuo dizendo: estamos atrás no futebol da América do Sul. O time brasileiro perdeu para uma equipe que não está entre as melhores do México. Os times brasileiros só têm obtido vitórias lá fora quando jogam como time inferior, deixando a bola para o adversário, marcando muito e indo para a frente no contra-ataque sem expor a defesa. É duro aceitar, mas o Dunga é o treinador modelo para o momento. A situação só mudará com reformas profundas na estrutura do nosso futebol.

    • ROCCO-SP disse:

      Essa é a ESCOLA GAÚCHA, por isso estamos deixando a bola com os adversários!
      Quando o FELIPÃO tentou fazer diferente do que estão acostumados tomamos uma TUNDA !
      Todos jogando por uma bola,e não se esqueçam quando na COPA AMÉRICApara garantir o resultado contra a VENEZUELA,o DUNGA, aqui citado, meteu 4 zagueiros, 4,viu!

  19. João Sardinha disse:

    Assisti ao Brasil x Uruguai pelo Pan. Perdemos de 2 x 1. O time brasileiro é mil vezes melhor que o do Uruguai e jogou muito melhor. Detalhe: mais uma vez FAMIGERADA GRAMA SINTÉTICA fez estrago no time mais técnico.

    • Paulo disse:

      Será que a grama esta fazendo diferença pq não é comestível ??

    • O Cego disse:

      a seleção paulista do pan levou uma surra dos 10 uruguaios, mais um vexame dos caipiras. esses caipiras da cidade grande quando saem do arraiá só fazem bobagem.

  20. fernando disse:

    Boa tarde Birner

    O que acontece com o SP, a cada dia aparece surpresas desagradáveis, nunca vi
    tanta coisa errada. Como pode esses dirigentes do SP, ser tão amadores, e irresponsáveis, eles teriam que ser expulsos do SP, conseguiram afundar, jogar na lama, o nome do SP. Eles teriam que pagar pelo que estão fazendo, a justiça
    teria que penhorar os bens desses, incompetentes, eles não podem sair impunes.
    O conselho tem que tomar vergonha na cara e tomar as devidas providencias, eles não podem sair livres dessa situação.

  21. Robison disse:

    Só o fato de tu sugerir Rafael Moura e Lizandro de titulares e ainda por cima juntos, ja mostram que os jornalista aí do centro do país não acompanham nada do futebol do resto do país.

  22. joão azevedo disse:

    Birner
    Perfeito teu comentário a respeito do jogo do meu Inter…
    A par de ser um time mediano que se sustenta na superação ( visto que só
    ganha em casa com bafo na nuca da torcida) teve o azar de pegar um adversário
    forte economicamente ( cimento)…
    Resultado, enquanto , na parada Copa, ficávamos como churrascaria fazendo rodízios ridículos, os mexicanos pelo seu poderio financeiro foram às compras
    adquirindo somente jogadoraços….
    Resumo da ópera não tínhamos como ganhar aliás nenhum time BRASILEIRO
    ganha deles…
    E isto que abriram mão de DOIS laterais que estão a serviço da S.Mexicana…

  23. Paulo Roberto Da Cas disse:

    Eu acrescentaria ao rol de falhas do treinador é não ter começado com o Sacha, não ter substituido o Gefferson, Não ter colocado o Rever, ter substituido o Valdivia, um dos poucos que tem coragem de se arriscar numa jogada individual. O Nilmar poderia ter sido deslocado para a ponta, centralizado o Lisandro e lógico, ter substituido o Dale que se arrastou o jogo todo.

  24. Wagner disse:

    fala Birner… Tá sumido… twitter, participações no redação Sportv e etc… Que passa?
    A TV e o Twitter precisam de você!

    Saudaçoes Tricolores!
    Wagner

  25. Cuco disse:

    Grande, Birner! Nenhum comentário sobre o PAN e nem sobre o Blog do Paulinho?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>